sexta-feira, 16 de setembro de 2011

As três partes da espiritualidade

As três partes da espiritualidade

Espiritualidade é ser responsável?

Pagar as contas, ajudar os outros, trabalhar direito, ir às reuniões.

Veja a opinião do autor.

Fui ao meu padrinho, um homem muito sábio, e perguntei-lhe:

-Qual é o sentido exato de espiritualidade em A.A.? Estou realmente confuso.

Meu padrinho inclinou-se para trás na cadeira, entrefechou os olhos e olhou bem olhado para mim.

- Você já está com mais de dez anos de sobriedade?

- São quase doze agora.

- Tem lido o Livro Azul ultimamente?

- Bom, eu vou a um grupo que estuda o Livro Azul uma vez por semana - respondi.

- Então eu vou lhe contar uma história e você pode tirar as suas próprias conclusões.

Eu achei que isso ia se transformar numa longa sessão, por isso me reclinei também e entrecerrei os olhos.

Meu padrinho continuou:

- O Livro Azul conta que a vida espiritual não é uma teoria, que nós precisamos vivê-la. Esta história é sobre um homem que não estava em A.A. e que passava muito tempo dentro da igreja. Ele indicava os lugares aos domingos e cantava no coro da igreja. Ele realmente sentia-se espiritual. Mas, passado algum tempo, a quantidade de cachaça que ele consumia aumentou a um ponto tal que ele perdeu o controle.

Ele se tornou um dos nossos. Para sorte dele, encontrou A.A. e se recuperou. Ele continua indo à igreja, mas a sua atitude mudou. O que aconteceu? Ele começou a ajudar os outros. Ele se tornou responsável.

- Você quer dizer que ser responsável tem algo a ver com espiritualidade? - perguntei.

- Tem tudo a ver. Nós temos de vivê-la, não só falar a respeito. E ser responsável significa fazer as coisas certas, numa base diária.- O que você quer dizer exatamente? disparei de volta.

- Ser responsável significa simplesmente fazer coisas, como pagar as contas na data certa, ir trabalhar na hora, fazer a minha parte no serviço da casa, se necessário, e assim por diante.

Isso não significa que a gente não possa se divertir - o divertimento e as férias são muito importantes. Eu também preciso cuidar da minha saúde, tendo uma alimentação adequada e fazendo exercícios regularmente.

- Ta bom. É isso aí, então?

- Isso é uma boa parte, mas tem mais. Como uma pessoa responsável, também preciso ser razoavelmente bem disciplinado: ir às reuniões em uma base regular, trabalhar nos Passos em uma base regular, fazer exercícios em um horário regular.

- Mais alguma coisa? - quis saber eu.

- Bom, um outro item de peso é estar disponível. Quando pessoas pedem ajuda, eu preciso poder estender a mão e ouvi-las, escutar o que têm a dizer sobre a sua situação. Em alguns casos, preciso levar as pessoas à sua primeira reunião, para que comecem. É necessário que esteja disponível.

- Está me parecendo que a espiritualidade é mais ação do que oração.

- Certo. Mas a oração é muito importante, porque necessito da ajuda do meu Poder Superior em todas as coisas. Resumindo: para mim, espiritualidade compõe-se de três partes: ser responsável, ser um tanto quanto disciplinado, e estar disponível.

- Isso me cheira a um trabalho de tempo integral - resmunguei.

- É isso aí, finalizou o meu padrinho, mas é a maneira mais fácil de se conseguir paz de espírito que eu conheço.

VIVÊNCIA N°. 38 NOV/DEZ 95

2 comentários:

  1. quem se ocupa nao se preocupa.lindo.Sueli de Curitiba.

    ResponderExcluir
  2. quem se ocupa nao se preocupa.lindo.Sueli de Curitiba.

    ResponderExcluir